Pesquisar

AmbienteGS

Mês

Maio 2017

GUILHERME STEPHENS COMEMORA DIA ECO-ESCOLAS E DIA DA TERRA

01

Dia 20 de abril, cerca de meia centena de alunos do 7º e do 8º ano, professores, alguns encarregados de educação e dois representantes da autarquia iniciaram, na escola, um passeio em bicicleta com destino à Praia Velha a fim de proceder a mais uma campanha de limpeza do areal (a 9ª campanha), subordinada ao tema “Vamos limpar o mar”.

Com um ventinho de feição, o grupo acompanhado pela PSP, Bombeiros Voluntários da Marinha Grande e um carro vassoura (para acautelar alguma situação indesejada), iniciou o percurso pelas 9 horas, na escola, contornou a Rotunda do Vidreiro e dirigiu-se à Guarda Nova para, de seguida, ser acompanhado por elementos da Escola Segura da GNR.

Os ciclistas percorreram, de seguida, um trajeto de beleza única pela “Catedral verde e sussurrante” onde o chilrear de pequenas aves ia intervalando com o saltitar das águas irrequietas do Ribeiro de S. Pedro.

Já na Praia Velha, junto ao Bar Old Beach, após um merecido descanso para recuperar forças, deu-se início à atividade de limpeza sem antes se ter assinalado o dia com uma formação humana – DIA DA TERRA – HELP! – que ficou registada em fotografia e vídeo por um drone.

O momento seguinte foi de grande azáfama: divisão dos participantes por grupos e aquisição dos sacos para recolher o máximo de resíduos que eram diversificados e incontáveis, sinal de que a ação antrópica se continua a fazer sentir num desrespeito desenfreado pelo planeta do qual ninguém pode ausentar-se. Segundo o Professor Jorge Paiva, (conceituado biólogo e investigador a nível nacional e internacional que o Agrupamento Marinha Grande Poente teve a honra de receber, no dia 19 de abril), “Estamos a emporcalhar a nossa gaiola”. É esta imagem real que paira no nosso quotidiano, sem dar tréguas visto que as atrocidades contra a natureza versus planeta continuam a um ritmo frenético e desmesurado, menosprezando-se o que de mais valioso a Humanidade possui: o património biológico ao qual se tem dado pouca importância principalmente por aqueles que mais responsabilidades têm ao nível da governação de todos os países ignorando que a existência de todos os seres vivos é extraordinariamente imprescindível à vida humana.

Um dia, talvez não muito longínquo, o planeta azul tornar-se-á cada vez menos azul e  desprovido de vida, se nada for feito em prol da sua preservação e conservação. Recordando ainda as palavras deixadas pelo investigador “ … temos de assumir o compromisso de preservar ao máximo a Biodiversidade, pois sem os outros seres vivos perderemos a oportunidade de sobrevivência da nossa espécie”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Comemoração do Dia da Terra / Dia Eco-Escolas

Dia 20 de abril, cerca de meia centena de alunos do 7º e do 8º ano, professores, alguns encarregados de educação e dois representantes da autarquia iniciaram, na escola, um passeio em bicicleta com destino à Praia Velha a fim de proceder a mais uma campanha de limpeza do areal (a 9ª campanha), subordinada ao tema “Vamos limpar o mar”.

Já na Praia Velha, junto ao Bar Old Beach, após um merecido descanso para recuperar forças, deu-se início à atividade de limpeza sem antes se ter assinalado o dia com uma formação humana – DIA DA TERRA – HELP! – que foi filmada e fotografada por um drone.

Um dia, talvez não muito longínquo, o planeta azul tornar-se-á cada vez menos azul e  desprovido de vida, se nada for feito em prol da sua preservação e conservação.  Segundo o Professor Jorge Paiva “ … temos de assumir o compromisso de preservar ao máximo a Biodiversidade, pois sem os outros seres vivos perderemos a oportunidade de sobrevivência da nossa espécie”.

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑